Tecnologia em Concreto Celular! Térmico, Acústico, Ecológico.

Sistema Construtivo de Paredes em Concreto Celular

cast-in-place-680x250

Sistema Construtivo ECOPORE em Paredes de Concreto Celular Armado moldadas no local.

O Sistema ECOPORE em Concreto Celular e Concreto Leve permite a execução de construções com rapidez acelerada. As paredes podem ter função estrutural ou de vedação, atendendo construções térreas, edifícios residenciais, comerciais, indústrias, etc.

O Sistema caracteriza-se pela moldagem das paredes no local, contemplando todas instalações elétricas e hidráulicas, caixilharias de portas e janelas já posicionadas após a desmoldagem.

Com o Sistema Construtivo ECOPORE o prazo de execução é reduzido a menos da metade comparado com o sistema construtivo tradicional.

Sua obra fica mais rápida, econômica, segura e limpa com o Sistema Construtivo ECOPORE.

O que é Concreto Celular ?

O concreto celular é um tipo de concreto leve formado a partir de uma mistura composta de aglomerantes e agregados finos, que sofre tratamentos mecânicos, físicos e químicos, destinados a criar na sua massa uma alta porcentagem de poros esféricos, de dimensão regular e milimétrica, uniformemente distribuídos, para que permaneçam estáveis, incomunicáveis e indeformáveis durante todo o processo, resultando numa massa específica aparente seca, inferior a 1850 kg/m3 e superior a 400 kg/m3.

Nos últimos anos o concreto leve com adição de espuma, ou concreto celular espumoso, vem sendo utilizado no Brasil na produção de vedações verticais, como alternativa para reduzir a geração de entulho e o desperdício de material em geral.

A sua produção está regulamenta das normas NBR:

A CAIXA produziu, sob a coordenação do Departamento de Apoio e Controle Técnico de FURNAS, com a colaboração técnica da Associação Brasileira de Cimento Portland – ABCP, documento técnico contendo os critérios e requisitos mínimos a serem observados na execução de paredes de concreto celular espumoso, fundido in loco.

Saiba + sobre o Concreto Celular ECOPORE Clicando Aqui

Método Construtivo

Preparo e acabamento da fundação Radier.
Fixação dos serviços de elétrica e hidráulica.
Concretagem da fundação radier.
Detalhe da caixa de distribuição elétrica.
Formas modulares em ABS.
Desmontagem da forma após a cura.
Diversas fases do processo de montagem.

O Sistema Construtivo ECOPORE, consiste na moldagem de paredes de concreto leve armado (massa específica aproximada entre 1300 a 1800 kg/m3 e resistência característica a compressão, fck, em torno de 8 MPa), armado com treliças eletrossoldadas e barras de aço.

Para a moldagem das paredes são utilizadas fôrmas metálicas dimensionadas para cada projeto específico. O processo construtivo permite o controle geométrico das paredes, do cobrimento de armaduras e a obtenção de superfícies para o recebimento do acabamento.

O processo de produção caracteriza-se por ciclos sucessivos de montagem e desmontagem das fôrmas para a moldagem no local das paredes de concreto leve armado. A desenforma das paredes ocorre após 12 horas da concretagem, com a verificação da resistência do concreto, mínima de 0,8 MPa.

O sistema prevê o embutimento das instalações hidráulicas e elétricas, sendo a montagem de eletrodutos e caixas de ligação efetuadas antes da concretagem das paredes, além da instalação prévia de gabaritos para definição de vãos de portas e janelas.

Principais componentes, elementos e equipamentos

O sistema construtivo prevê a montagem da armadura (kit armaduras), da tubulação hidráulica (kit hidráulico), eletrodutos e caixas de ligação (kit elétrico), antes da concretagem das paredes. Também são instalados previamente os gabaritos para definição de vãos de portas e janelas.

a) Concreto: paredes de concreto produzido com cimento, areia, brita, água, aditivo incorporador de ar (ECOFOAM & ECOAIR-MIX) e fluidificante ECOPLAST.

b) Aditivos Incorporadores de Ar e Fluidificante: o concreto convencional é aditivado no canteiro de obras com o aditivo ECOFOAM-AIR e microfibras sintéticas ECOFIBRA-PP.

c) Armadura: as armaduras são reforços localizados, definidos pelo projeto estrutural, constituídas por barras e treliças de aço eletrossoldadas, são adotadas armaduras de ligação entre paredes com emprego de barras de ligação de aço.

d) Fôrmas: as fôrmas são produzidas com chapas e perfis metálicos, sendo dimensionadas para resistir a pressão resultante do lançamento, por bombeamento, do concreto. As fôrmas são dotadas de dispositivos de travamento que determinam o espaçamento entre si, configurando assim a espessura das paredes. Também suportam esforços durante o bombeamento do concreto até a desenforma, evitando movimentações indesejadas.

e) Equipamentos: a ECOPORE sugere e fornece diversos tipos de equipamentos, tais como: usinas autônomas móveis para produção de concreto leve e concreto celular, geradores de espuma para incorporação de ar, processadores contínuos para produção de concreto celular com caminhão betoneira, dentre outros, cuja especificação e utilização é analisada para cada obra específica de acordo com suas características e necessidades.

f) Paredes: a espessura das paredes normalmente é de 10cm, moldadas no local. Para assegurar o cobrimento mínimo nominal de 30mm das armaduras, especificado em projeto, são empregados espaçadores plásticos rígidos, posicionados a cada 50cm, de modo a manter o conjunto da armadura em sua posição original.

g) Revestimentos: Conforme memorial descritivo do projeto aprovado. As paredes não necessitam de revestimento de argamassa do tipo massa única ou reboco, apenas correções superficiais e tamponamentos (estucamento) dos furos deixados nas paredes por meio de dispositivos de travamento das fôrmas metálicas, realizado com argamassa expansível.

Características únicas do Sistema Construtivo ECOPORE:

  • É possível executar concretagens de paredes e lajes simultaneamente;
  • Possui solução para concretagem de escadas em conjunto com as paredes e lajes;
  • Possui painéis de tamanhos diversificados, se adequando a qualquer situação de projeto, sob medida. Não utiliza madeira e arremate: o fim das improvisações;
  • Conta com itens de segurança tais como: plataformas de trabalho e guarda-corpo de perímetro;
  • Os painéis possuem ainda dispositivo especial de desfôrma, dispensando o uso de ferramentas após cada ciclo;
  • Para garantir o alinhamento dos painéis de parede, os projetos preveem o uso de alinhadores tubulares, quando necessário;
  • Triângulos de reforço que enrijecem todos os cantos do painel.